Postado dia 04/06/2009 às 00h00 - Atualizado em 15/09/2014 às 18h53

Nos tempos da música lenta

None
Muitos jovens e adolescentes na atualidade quando saem, procuram principalmente baladas com muita música para se divertirem. Passam a noite e a qualquer momento podem arranjar uma paquera e como se diz hoje, ficar coma pessoa desejada. Em outros tempos, a balada tinha outro nome e eram novidade. Foram as discotecas, estas casas dançantes também bombavam.,
,
Eram a inovação em termos de animação para os jovens naquele momento. Filmes como Os Embalos de Sábado à Noite estrelado por J0hn Travolta, que interpretava o personagem Toni Manero, um rapaz sem a perspectiva de uma vida melhor e fazia da dança uma fuga para sua razão de viver.
,
,
O filme dava o tom e inspirados nas telas de cinema, discotecas se multiplicavam.O agito era total, assim como as paqueras, mas não eram como as de hoje, onde a qualquer momento uma pessoa pode ficar com a outra. Tinha tempo certo e era na hora da música lenta. Em algumas casas, a música lenta só tocava uma rodada e muitos saiam de casa só pensando nisto. Pois era só nesta ocasião que se conseguia ficar com alguém.
,
,
No entanto, cabia somente aos homens solicitar a dança para mulher. As pessoas durante a noite se flertavam, mas não ficavam juntas, só na hora da música lenta. E apenas os corajosos tiravam uma menina para dançar. Caso o rapaz não apresentasse coragem para convidar uma moça para dançar, esperava para próxima rodada de músicas românticas ou só iria fazer isto na outra semana, ou quando encontrasse a garota pretendida na discoteca.
,
,
E os tímidos? Estes sofriam. Eram meninos girando em torno do salão assistindo o globo girar e apenas sonhando com a menina desejada, por que não tinham coragem de pedir uma moça pára dançar. Desta forma, muitos namoros e casamentos foram arranjados e deve ter muita gente que esta por ai hoje, por que foi fabricado depois de uma rodada de músicas lentas.
,
,