Postado dia 20/10/2014 às 11h46 - Atualizado em 21/10/2014 às 13h05

Comissão de Meio Ambiente realiza reunião para tratar de resíduos sólidos

Fonte: Assessoria de Imprensa da Câmara de Vereadores de Penha

Com o objetivo de buscar alternativas para melhorar o projeto da coleta seletiva no município de Penha, assim como acompanhar outros projetos relacionados ao meio ambiente, a Comissão de Meio Ambiente e Turismo da Câmara de Vereadores esteve conversando no final da semana passada, 09, com o secretário de Desenvolvimento Econômico Sustentável (SEMDE), Dorval Carvalho Gonçalves, o Duda.

A reunião contou com a participação da comissão formada pelos vereadores, Sérgio de Mello (PMDB), Clóvis Bergamascki (DEM) e Isac da Costa (PSD), além do secretário Duda e da Engenheira Ambiental, Ana Paula da Silva. Foram abordados os assuntos relacionados ao meio ambiente como os projetos da coleta seletiva e de óleo de cozinha, também foi discutido a possibilidade da criação de uma cooperativa de reciclagem no município.

O assunto principal da pauta proposta neste primeiro momento foi melhorar o projeto de coleta seletiva desenvolvido em Penha pela SEMDE e que já coletou em média, desde que foi implantado, cerca de 12 toneladas de material reciclável por mês. Para o secretário este número é expressivo, mas afirma que existem reclamações de pessoas que não conseguiram ser atendidas em seus domicílios.

O vereador Clóvis comenta que a culpa atribuída pelo secretário é de que os funcionários não estão conseguindo percorrer todas as ruas da cidade por vários motivos. “Um dos pontos mencionados na reunião é de que uma cooperativa de coleta do material reciclável poderia ser implantado em Penha para diminuir o tempo de translado do material que hoje é enviado até Navegantes e assim ampliar o atendimento em outras ruas que não são contempladas”, comenta Clóvis.

Para o vereador Sérgio de Mello o processo de tentativa de desenvolver uma cooperativa em Penha já foi iniciado, mas não foi concluído. “A intenção da comissão é retomar este processo de criação de uma cooperativa e a parceria entre sociedade e o governo é muito importante para ajudar neste processo inicial que poderá contar com financiamentos do governo federal”, explicou Sérgio.

O Secretário da SEMDE convidou a comissão para uma visita a Cooperativa em Itajaí na próxima terça-feira, 21, para tomar alguns parâmetros de como iniciar o mesmo projeto em Penha. “É importante a participação da comissão parlamentar neste processo de criação de uma cooperativa. A comissão deve fiscalizar e acompanhar de perto este projeto tão importante e que vem dando certo, mas precisa ser ampliado para atender a todos os moradores”, enfatiza Duda.

Coleta de óleo

Outro assunto abordado na reunião e que também terá o acompanhamento da comissão de meio ambiente é o projeto de coleta do óleo de cozinha que já contabiliza mais de 500 litros do material coletado em apenas alguns meses. Os coletores estão instalados nos Supermercados, Bluville, Provesi, Silva e Brás.

A comissão sugeriu ao secretário que fossem implantados coletores também nos bairros de Santa lídia e Gravatá. O vereador Isac da costa enfatizou a importância de levar o projeto também até a Prainha de São Miguel. “É um bairro que está cada vez mais populoso e seria interessante localizar algum comercio que queira abraçar o projeto”, comenta Isac ao se comprometer em buscar um ponto de coleta para abranger também a localidade.