Postado dia 03/06/2017 às 10h47 - Atualizado em 07/06/2017 às 23h26

Vídeo institucional da Câmara de Penha conta a história da Festa do Divino

Fonte: assessoria de imprensa da Câmara de vereadores de Penha

Foliões organizam a festa há 180 anos, reunindo milhares de pessoas

“É a fé. É a esperança. É a paz. É o amor.

É assim nossa bandeira, por todo lugar que for.

Essa é a nossa festa, nossa gente já chegou,

Trazendo a imperatriz e também o imperador.

O imperador agradece sua valiosa oferta,

Transformando em alimento no dia da grande festa.

Se Deus quiser, o ano que vem a nossa bandeira volta,

com outro imperador entrando em sua porta”, recita José Olávio Coelho, mestre folião da Festa do Divino Espírito Santo.

Seu Zé Olávio, como é conhecido por todos, é um dos personagens do vídeo institucional produzido pela Câmara de Vereadores de Penha e apresentado na segunda-feira (29) durante a 19ª Reunião Ordinária. A produção audiovisual tem como objetivo contar um pouco da história da festa realizada na região desde 1836, sob a ótica do próprio povo penhense (foliões, cantadores, devotos e empregados do Divino) que todos os anos organizam o grande evento do dia de Pentecostes.

O vídeo institucional traz depoimentos de Eronides Flores, dona Véva, que durante anos confeccionava e reformava as tradicionais bandeiras utilizadas pelos devotos e ainda destaca o papel do casal imperial (responsável pela organização das visitas e da festa como um todo). Em 2017 a festa tem como imperador o senhor João Nestor de Souza e sua esposa Maria das Neves, a imperatriz.

A produção ainda contou com as contribuições do escritor popular Cláudio Bersi de Souza, do ex-imperador (atualmente vereador) Maurício da Costa, o Lito, e ainda do rabequista e contra-voz Alcides Lídio dos Santos.

A presidente do Legislativo Penhense, Maria Juraci Alexandrino (PMDB), ressalta a importância da Festa do Divino Espírito Santo para o povo e para a cultura do município. Procurando dar o devido valor à tradição dos foliões, a CVP aprovou uma resolução (nº 34/2017) que trata da recepção da bandeira. “A partir desta resolução, todos os anos iremos recepcionar a bandeira do Divino Espírito Santo em uma reunião solene na casa do povo”, explica Juraci.

As novenas da Festa do Divino Espírito Santo 2017 iniciaram no dia 25 de maio e terminam na sexta-feira (2). A partir de sábado começa o tríduo da Festa. No domingo pela manhã acontece a coroação do imperador e no domingo à tarde acontece o sorteio do imperador do próximo ano.

Na segunda-feira (5) acontece o encerramento do grande evento, com a transmissão da coroa para o próximo imperador e com um grande almoço servido gratuitamente a todos os foliões.

O vídeo institucional “Festa do Divino Espírito Santo” está disponível em

https://youtu.be/I1-NLvQlp8c