Postado dia 13/02/2017 às 16h22 - Atualizado em 15/02/2017 às 12h39

Governo municipal realiza reunião para avaliação de trabalho

Prefeito e responsáveis pelas secretarias se encontraram no sábado para avaliarem 40 primeiros dias de governo
Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Penha

No último sábado, dia 11, o prefeito Aquiles da Costa convocou uma reunião com secretários, diretores responsáveis por pastas e outros cargos de primeiro escalão, para que todos fizessem um relatório do que já fizeram nos seus setores, e os problemas que estão encontrando. O encontro começou às 9 horas da manhã e só terminou às 14 horas.

O maior problema é de fato a infraestrutura: a maior parte da frota, equipamentos e computadores está sucateada e sem condições de uso. Sem contar prédios públicos com goteiras e infiltrações.

O segundo maior problema é financeiro: os poucos recursos disponibilizados estão adiando a realização de ações pretendidas pelo prefeito Aquiles já para este primeiro ano de governo. Por conta disso, o prefeito pediu criatividade e esforço dos secretários para “fazer mais com menos”.

No entanto, apesar das dificuldades, todas as secretarias mostraram várias ações nos últimos 40 dias que arrancaram elogios da população, tirando a máquina pública da letargia que havia caído nos últimos meses do governo passado.

SERVIÇOS URBANOS – A secretaria de serviços urbanos é a mais cobrada, mas também a mais elogiada pelo público nas redes sociais. “Isso porque a demanda é muito grande”, acredita o secretário João Batista Porto. “Estamos recuperando as ruas da cidade, mas não podemos recuperar todas ao mesmo tempo. Também dificulta termos uma equipe pequena e apenas 10% do maquinário funcionando, mas são pessoas que tem vontade de trabalhar, uma equipe de servidores que tem se empenhado além do seu dever para dar conta do recado”, elogia.

SAÚDE – Outra secretaria que vem coletando muitos elogios é a da saúde: apesar de lidar com problemas de infraestrutura nas unidades de saúde e falta de remédios deixadas pela administração anterior, a secretaria já conseguiu restabelecer consultas com médicos especialistas e ampliar o horário de atendimento no NAM e SEFIR, que agora funcionam no mesmo prédio. Com o processo licitatório já iniciado, o secretário de saúde e vice-prefeito Lindomar Schulle espera que até março a distribuição de medicamentos se normalize na rede pública municipal de saúde.

EDUCAÇÃO – Um dos maiores desafios do novo governo está na pasta de educação. Apesar de ser a secretaria com maior dotação orçamentária, praticamente não há recursos para reformas e construção de novas unidades escolares. “Penha tem um gasto um absurdo com folha de pagamento, e precisamos fazer uma otimização dos recursos para que a secretaria possa dar conta de todas as demandas exigidas, como mais vagas nas creches, reforma de escolas interditadas como o Antônio José Tiago, e tantas outras”, conta a pedagoga Suselli Anacleto Batista, funcionária do estado que voluntariamente vem coordenando a educação do município. Além da contratação dos monitores para auxiliar os professores nas creches de período integral de 0 a 3 anos, outra inovação é a implantação de aulas de artes e educação física para esses alunos.

FAZENDA E ADMINISTRAÇÃO – “Todos os problemas de todas as secretarias vem cair na minha”, diz o secretário responsáveis pelas duas pastas, o servidor público Leandro de Lima Borba. “A cada dia que passa, a gente descobre uma nova dívida deixa pela administração anterior”, conta. A secretaria também teve de lidar com o atraso na expedição do carnê do IPTU, e a nova lei que impede o pagamento automático em qualquer banco, sem fazer convênio antes, o que prejudica a própria arrecadação do município, mais necessária do que nunca. O secretário tem aplicado um choque de gestão para exigir mais transparência, mais documentação e mais parcimônia dos secretários na solicitação de gastos públicos.

TURISMO – Sem dotação orçamentária prevista, a secretaria de turismo tem surpreendido pelo empenho de sua equipe em conseguir realizar eventos com poucos recursos, apelando principalmente para parcerias com a comunidade e iniciativa privada, cuja articulação toma a maior parte do tempo da secretaria. “Conseguimos fazer o Verão Penha, com esporte, lazer e até música nos finais de semana, e agora estamos correndo atrás de parcerias para o carnaval”, relatou o secretário Arnaldo Dias, que também tem articulado a vinda de vários eventos esportivos e de lazer para a cidade.

FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE ESPORTES – Além de ser parceiro da secretaria de turismo no projeto Verão Penha, a fundação municipal de esportes passou seu primeiro mês reequipando o acervo desportivo, conseguindo a doação de muito material de empresas locais. Esse material será fundamental para as escolinhas desportivas, que não só serão reativadas, como vão incluir mais modalidades e mais crianças, além de fazer parte do projeto contra-turno da rede de educação de Penha.

PLANEJAMENTO – Após anos de omissão, a fiscalização da secretaria de planejamento arrancou elogios dos munícipes intervindo em áreas invadidas que são de preservação ambiental, públicas ou destinadas para obras de benefício de toda coletividade, como projetos de habitação popular e de uma terceira avenida. Paralelamente, a secretaria tem buscado agilizar a tramitação de projetos de construção, além de restabelecer a sinalização de trânsito da cidade, que está bastante defasada, bem como adequar lombadas e travessias elevadas, que foram construídas erroneamente, dentro do previsto em lei.

PESCA E AGRICULTURA – O maior objetivo da secretaria vai ser dar assessoria para que as microempresas de beneficiamento de Penha se regularizem. “O sistema é burocrático, mas queremos tornar sua tramitação mais compreensível para o pequeno empresário”, explica o diretor responsável pela pasta, Paulo Roberto de Souza. Outra ação é colocar o salgueiro a par dos programas de financiamento que existem onde possam buscar recursos para investir na regularização do seu negócio. Uma das grandes iniciativas da secretaria também será a transferência da sua sede para a Colônia dos Pescadores, ficando assim mais próxima dos trabalhadores em Armação.

ASSISTÊNCIA SOCIAL – O secretário Sérgio de Mello relatou que está mudando o viés da sua secretaria, no sentido de trabalhar mais para promover a reintegração do cidadão à sociedade, lhe estimulando a melhorar de vida, do que simplesmente dar assistência. Nesse sentido, são vitais dispositivos como o SINE, que está sendo reativado pela secretaria, sendo um balcão onde as pessoas possam procurar emprego; e fazer funcionar na cidade o programa jovem aprendiz, onde jovens possam trabalhar meio-período e aprender uma profissão. Outro programa da secretaria é o “Ação comunitária”, onde a primeira edição já será em 23 de fevereiro, na localidade do Mariscal. “Levaremos toda a estrutura da secretaria para lá por um dia, além de trazer outros serviços, como de saúde, educação, documentação, e até corte de cabelo e manicure para os moradores”, explica.

O prefeito Aquiles parabenizou a todos pelo espírito de dever público de virem para uma reunião de trabalho no sábado, e pontuou ações que acredita serem urgentes em cada secretaria. “Vamos fazer essa conversa pelo menos uma vez por mês, para termos uma idéia de como estão todos os setores do governo, e como cada um de nós pode contribuir para melhorar o serviço público”, apontou o prefeito.