Postado dia 23/08/2017 às 20h07 - Atualizado em 24/08/2017 às 19h00

Comerciante de Penha cai no golpe da lista telefônica

Fonte: Rádio Aquarela FM

Um comerciante de Penha caiu no golpe do falso anúncio da lista telefônica. Uma pessoa falando ser funcionária da Listlink disse que poderia colocar o anúncio da empresa do comerciante na lista telefônica, mas para isso ele deveria pagar R$ 1200.

O comerciante acabou caindo na conversa da mulher e depositou o dinheiro. Acontece que os golpistas percebendo que poderiam lucrar mais com a vítima, ligaram novamente, agora falando que eram do 10º cartório de São Paulo, que a negociação com a Listlink estava encerrada e, que para terminar o contrato, ele deveria depositar R$ 10 mil.

O comerciante estava desesperado e já correndo atrás de dinheiro para fazer o pagamento, quando consultou uma amiga, que logo percebeu que tudo não passava de golpe. A mulher atendeu a ligação dos golpistas e começou a enchê-lo de perguntas. A empresa então começou a desconversar e passou um contato que seria de uma advogada da empresa.

O caso foi registrado na polícia Civil por volta das 15h30 de ontem. O comerciante resolveu tornar o caso público para evitar que mais gente entregue dindin aos golpistas.

Procon diz que golpe é antigo

O Procon explica que o golpe é antigo mas continua fazendo vítimas. A historia contada pelos golpistas é a mesma, com pequenas variações. Eles inventam a justificativa de atualização de cadastro que depois vira uma cobrança de anúncio.

O Procon recomenda cuidados básicos para não cair no golpe. A regra é sempre desconfiar. Entre as orientações está não contratar nenhum serviço sem conhecer a empresa. Também não pode fornecer dados comerciais ou pessoais por telefone. Vale ainda pesquisar sobre a empresa pra saber da sua reputação.